Resenha: #Acredite - Eliane Quintella

02 dezembro 2019


Edição: 1
Editora: Independente
ISBN: B07RYFZ2WY
Ano: 2019
Páginas: 160
Compre AQUI - Ebook Kindle

Livro cedido em parceria com a autora
Sinopse: Existe um mundo mágico, mas seu povo é dividido de acordo com seus poderes. Braites são mágicos mais poderosos e dominam a energia da transformação. Lalulis conseguem fazer apenas as magias simples. Os Braites mantêm sua magia forte, pois cultivam a leveza, a harmonia e a alegria, já os Lalulis não são capazes de aumentar seu poder de magia, pois são pessimistas por natureza e preferem se deixar dominar por sentimentos pesados a serem fúteis como os Braites.Nesse mundo dividido, Pamela, uma jovem braite, se apaixona por Raul, um Laluli. Porém, os dois acreditam que o amor é uma força poderosa e estão dispostos a desafiar a ordem das coisas ficando juntos.
O casal é submetido a duras provações que desafiam a força do amor e a crença que separa aquele mundo. Um livro que tem a força dos contos de fadas e nos inspira a acreditar em nós mesmos e na vida que nos cerca.


Já conheço o trabalho da autora a alguns anos, mas essa é a primeira vez que leio um livro de Eliane Quintella. Acredito que comecei pelo livro errado, apesar da mensagem linda que encontramos aqui, não consegui me apegar aos personagens e nem a trama. 
Em #Acredite, vamos conhecer dois tipos de seres mágicos: Os Braites que possuem uma magia forte, baseada em bons pensamento, e os Lalulis, que por serem pessimistas não conseguem fazer muita coisa.
Pam é uma adolescente Braite que está perdidamente apaixonada por Raul, um Laluli de sua escola, o que é perigoso, pois Brites e Lalulis não podem se misturar, quando acontece, algo estranho toma conta do Laluli e o Braite perde seu poder. Por mais que ela lute contra seus sentimentos, Pam não consegue esquecer Raul e Raul, por sua vez, também está apaixonado e juntos eles acreditam que podem ficar juntos e mudar o mundo que conhecem.
"O amor é a força mais poderosa que existe. É o amor que te faz acreditar, perseverar, nunca desistir e ir além do que achava ser tuas capacidades e alcançar aquele sonho dourado que parecia impossível."
Quando ambos percebem que a única maneira de serem felizes e ficando juntos, coisas começam a acontecer. Pam e Raul despertam algo diferente, que um dia já foi normal, mas na presente realidade é proibido. 
Assim, os dois vão, juntos, se aventurar pelo caminho do amor, enfrentando perigos e até a morte.

Como uma boa fã de fantasia, não pude deixar de ficar encantada com a sinopse desse livro. Infelizmente, como disse logo no começo, não consegui me conectar com a trama e nem com os personagens. Achei a história corrida, senti falta de mais detalhes, principalmente no começo. 
A narrativa em primeira pessoa, pelo ponto de vista da Pam não ajudou muito. Parecia que ela queria me contar tudo junto e ao mesmo tempo. 
"... a magia só acontece quando acreditamos. E é exatamente por acreditarmos nessa história que ela se torna verdadeira".
Por outro lado, eu fiquei apaixonada pelos Braites e Lalulis. Queria muito saber mais sobre eles, suas crenças e como chegaram ao ponto de separação onde começa o livro. A mensagem trazida pela autora nessas páginas também é linda e cheia de esperança: Se você acreditar, tudo pode acontecer.

Enfim, apesar de suas poucas páginas, #Acredite é um livro lindo, que pode tocar o coração de leitores de todas as idades. Eliane Quintella traz o que há de melhor a tona e cativa o leitor com uma história simples, mas cheia de magia e realidade. Indico sim a leitura!
"É pelo amor que você mergulha de cabeça no escuro e encontra a força que precisava para superar quaisquer obstáculos. E a história que a vocês é sobre esse tipo de amor, esse amor mágico, que transforma. Mas a história não é sobre o amor, é muito sobre acreditar."


Sobre a autora:


Eliane começou a escrever ainda criança para o jornal do bairro em que morava. Em sua infância era conhecida entre seus colegas pelas redações que escrevia. Quem estudou com ela no ginásio lembra-se de suas redações. Naquela época, ela tinha certeza que queria passar toda sua vida escrevendo. A vida seguiu. Formou-se em Direito, trabalhou, fez mestrado, trabalhou, fez cursos, trabalhou e nunca deixou de escrever. Até que um dia viu-se em casa com o punho quebrado, por um mês inteiro. Era sua grande chance. Escreveria um livro. E, foi assim que animada escreveu Pacto Secreto. Já escreveu depois disso Prazer Secreto e História Secreta que continuam a saga de sua personagem principal Valentina, mas que ainda não foram publicados. Lançou recentemente um livro de puro suspense na Amazon chamado Café Forte.



Um comentário:

  1. Que livro fofo, mesmo tendo uns pontos negativos, é o tipo de obra que gosto de ler.
    Pode ter certeza que vou dar uma olhada ;) sua resenha me cativou.
    Beijos ^-^
    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir