Resenha: Marca de Guerra (Marked #4) - Sylvia Day

17 novembro 2017


Edição: 1
Editora: Faro Editorial
ISBN: 9788562409950
Ano: 2017
Páginas: 96
Tradutor: Carlos David Szlak

Compre AQUI
Sinopse: Lobisomens, vampiros, arcanjos … O que falta acontecer?
Evangeline descobriu como se livrar da Marca de Caim, que anos atrás a transformou numa caçadora de demônios: basta se manter longe dos problemas por um tempo. Algo complicado para alguém que é sempre lembrada para novas missões.
Agora, disfarçada, ela trabalha para um querubim, em um plano para desmascarar um vampiro perigoso, que está escondido em uma tranquila comunidade na Califórnia.
Mas Eva sabe que está sendo usada como um peão num grande jogo político celestial. No entanto, ela está cercada. Seu desafio será descobrir quem é sua maior ameaça: o vampiro que está caçando, o querubim que quer controlá-la, ou os dois irmãos, dispostos a lutar até a morte por seu amor.
O problema? É que tudo está acontecendo ao mesmo tempo.


Confira as demais resenhas da série:



Estou muito insatisfeita com esse livro. Sério, eu poderia ter continuado a viver minha alegre vida com o final do livro anterior, já que Eva, literalmente, terminou com meu personagem preferido da série. Mas, infelizmente, a autora resolveu escrever mais esse conto para acabar com o meu felizes para sempre e dar um felizes para sempre para Eva, só pode! rsrsrsrsrs

Marca de Guerra é um conto que serviu mais para aplacar a curiosidade das leitoras fãs de Caim, pois o mesmo se tornou um Arcanjo e com o final impactante do terceiro livro, Sylvia teve que dar um pouco mais da mesmice e do mimimi que Eva e Caim são juntos.
A história gira em torno de uma missão a que Eva foi enviada para realizar. Claro que, mesmo sendo um Arcanjo, Caim não deixaria Eva ficar sozinha e em perigo. Com seus contatos e favores, conseguiu uma maneira de passar esse tempo da missão com Eva.
Assim, vamos descobrir o que aguarda esses dois e, ao final do livro, o leitor vai ficar querendo mais e rezando para Reed estar certo! rsrsrsrs
"- Tenho algo que você precisa e quer. - Reed deu de ombros. - Não sei dizer com certeza o que existe entre nós, mas sei que não é o fim. Nós dois somos um assunto inacabado. Você não será capaz de viver com isso para sempre. Garanto que algum dia voltará para mim, Eva. E quando isso acontecer, nós saberemos que você está pronta."
A série toda foi maravilhosa de acompanhar! Gostei muito de conhecer essa faceta da autora e desbravar mais esse mundo de anjos, demônios, vampiros e lobisomens. Espero que haja mais livros, e que Eva e Reed voltem a encher meu coração de luxúria e desejo! <3

A edição da Faro está maravilhosa! mesmo com as poucas páginas, nada ficou a desejar: a capa e a diagramação seguem o parâmetro das anteriores, sem erros de revisão e bom espaçamento.
Do mais, só posso indicar. Não sei o que dizer dos demais livros da autora, mas a série Marked vale muito a pena ser lida!
"A cada minuto, a humanidade de Alec escapulia dele. Se não conseguisse ter Eva de volta, não queria nem imaginar o que se tornaria sem ela."

Avaliação: 



Sobre a autora: 




Nasceu em 1973, em Los Angeles. Publicou romances dos mais variados gêneros, muitos dos quais entraram para a lista de mais vendidos do New York Times, com três pseudônimos diferentes. Mãe de dois filhos, trabalhou como tradutora do russo para o serviço de inteligência do Exército dos Estados Unidos.