Resenha: Violetinhas na Janela - Luis Hu Rivas (Baseado na Psicografia de Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho)

17 setembro 2017


Edição: 1
Editora: Petit Editora
ISBN: 0
Ano: 2016
Páginas: 96


Livro cedido em parceria com a editora
Sinopse:  Violetas na Janela agora em quadrinhos! O que era bom, agora ficou melhor ainda. Com lindas ilustrações de Luis Hu, o leitor vai fazer uma viagem deliciosa pelo mundo dos espíritos acompanhando Patricinha e seus amigos.
Um dia Patricinha acordou e percebeu que não estava em casa. Viu um lugar que lembrava um hospital, mas sem barulho de hospital. Usava o mesmo pijaminha azul de todos os dias, só que aquela não era sua cama nem seu quarto. Como podia? Ela começou a ficar intrigada. É possível acordar de uma hora para outra num lugar estranho, e ainda por cima sem medo?
Pois esta é a melhor parte da história: Patricinha descobriu que nem sempre precisamos ter medo do que não entendemos. Ela conta coisas incríveis que conheceu após esse despertar, como as colônias, por exemplo, um lugar cheio de cor, bom humor e alegria, e nos convida a uma viagem deliciosa pelo mundo dos espíritos.


"Violetas na Janela" foi o primeiro livro espirita que li. Nele, embarquei junto com Patrícia, em sua busca por conhecimento e entrega. Meu exemplar esta surrado e bem velhinho, pois sempre o tinha perto de mim. Depois, acabei descobrindo que a história completa de Patrícia conta com quatro livros, são eles: Violetas na Janela, Vivendo no Mundo dos Espíritos, A Casa do Escritor e O Voo da Gaivota. Claro que eu já li todos eles. Cada um me trouxe um ensinamento diferente. Quando vi que a Editora Petit lançaria Violetinhas na Janela em HQ, logo solicitei o meu exemplar para relembrar essa história que tanto me tocou e toca até hoje!

Por se tratar de um livro mais infantil, "Violetinhas na Janela" não possui todas as explicações presentes em "Violetas na Janela". A história daqui é baseada no livro completo psicografado por Vera Lúcia, o que deixa o HQ mais simples, de fácil entendimento para todas as idades e, principalmente, para quem está se aventurando pelo gênero a pouco tempo.
Patricinha é uma garotinha fofa e altruísta que levará o leitor por essas páginas coloridas e aprenderá, junto conosco, que só o amor é capaz de curar.
A edição está linda demais! As ilustrações de Luis são maravilhosas e cada uma mais linda que a outra. Luis trouxe a essência de Patricia para o livro, desenhando-a como eu imaginava enquanto li o livro tantos anos atrás!
O texto também está diferenciado para ser melhor compreendido por crianças e adolescentes. Um livro gostoso de se ler e que nos ensina muito enquanto desbravamos suas páginas.

Infelizmente, é pequeno! rsrsrsrs Espero que a Editora Petit publique os demais livros também nessa versão. Tenho certeza que o público vai gostar de conhecer todas as aventuras de Patricinha!


Avaliação: 



Sobre os autores: 


Nascido no dia 10 de março de 1975 em Arequipa, Peru e residente no Brasil há 17 anos, Luis Hu Rivas é designer gráfico e dedica-se desde a adolescência aos estudos e divulgação do Espiritismo.
Rivas já foi responsável pelo setor multimídia da Federação Espírita Brasileira – FEB e colaborou com o Conselho Espírita Internacional – CEI, idealizou e coordenou a TVCEI, a TV espírita.
Além de ser responsável pela publicação da Revista Espírita em espanhol, escreveu diversos livros como “Doutrina Espírita para principiantes”, “Allan Kardec para todos”, “Espiritismo Fácil” e “Reencarnação Fácil”.
O autor realizou uma parceria com Maurício de Sousa que pela primeira vez ilustra um livro que trata do Evangelho segundo o Espiritismo.


Durante a infância, que passou em São Sebastião do Paraíso (MG) onde nasceu, Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho sentiu as primeiras manifestações mediúnicas. A médium é capaz não só de enxergar e ouvir com clareza os espíritos, mas também de receber, por intermédio da psicografia, mensagens e obras literárias. Casada, mãe de três filhos, divide seu tempo entre as atividades profissionais, suas obrigações familiares e o trabalho voluntário no centro espírita.
Entre outros sucessos, Vera Lúcia psicografou o best-seller Violetas na Janela, que já ultrapassou a tiragem de 1,2 milhão de exemplares, uma verdadeira reportagem do Espírito Patrícia realizada no mundo espiritual. Esse destaque não modificou seus hábitos e sua personalidade. Simples e reservada, se considera apenas "um simples instrumento dos espíritos".