Resenha: Do Éden à Luxúria (Trilogia O Círculo dos Imortais #1) - Ananda V.

12 junho 2016


Edição: 2
Editora: Arwen
ISBN: 9788568255377
Ano: 2016
Páginas: 528

Compre: Arwen Store

E-book cedido em parceria com a editora
Sinopse: Um bar esquecido pelo tempo chamado Devil's Throat — o Gênesis da queda de Melissa Saccer, uma garota que tem sido atormentada por um pesadelo do qual não se recorda ao abrir os olhos. Há centelhas de memórias, passagens de um conto de Edgar Allan Poe, mas nada substancial que possa lhe ajudar.William, um forasteiro enigmático que se comporta como um cavalheiro inglês da época vitoriana. Quantos segredos ele esconde por trás da imensidão de seus olhos azuis?
Nessa jornada sombria e solitária que Melissa enfrentará, nada é como parece ser. A verdade, a mentira, o mal e o bem tem múltiplas faces, pontos de vista conflitantes. Esteja preparado para se apaixonar, mas, acima de tudo, esteja preparado para a queda.


Melissa uma jovem de 17 anos consumida por seus pesadelos, paira entre a realidade e seus devaneios. Quando a convivência torna-se insustentável devido seu padrasto e suas filhas, Melissa opta por deixar sua mãe e sai de casa para morar com a melhor amiga de sua mãe Amélia, dona de uma pensão na cidade de Blaine.
Em uma manhã depois de mais uma noite de pesadelos, mesmo cansada, Melissa vai à escola e encontra seus melhores amigos Daryl e Megan a qual a convida para uma festa em um bar.  Ao chegarem tratam de se divertir até Melissa descobrir a real intenção de Megan em encontrar com seu ex-namorado Jason. Questionando-a sobre ela armar sobre suas costas e tendo uma acalorada discussão com Jason do qual ela tinha a certeza de que chegariam as vias de fato no ápice de sua raiva ela percebe uma sensação entranha apoderar-se do seu corpo até desmaiar.
“Sempre fora assim. Eu sentia. Sem explicações plausíveis, captava ondas de informações, mensagens sussurradas. Um tormento, sem dúvida. Um daqueles que me levaria ao manicômio mais próximo onde me dopariam com antipsicóticos até que eu acreditasse ser um maldito pônei feliz”
 Ao acordar em um quarto estranho e confusa sobre o que aconteceu, depara-se com o cara mais bonito que já viu e possuidor dos olhos mais azuis que já pusera os olhos. Willian é seu nome e ele se mostra um perfeito cavalheiro ajudando tanto ela como Megan logo após ter perdido a consciência, e se oferece para levá-las para casa. Com o passar dos dias, Melissa tem a sensação de que algo grande vai acontecer, até um de seus supostos sonhos tornam-se real.
Willian entra em sua vida em um momento conturbado onde ela busca explicações sobre o que de fato são todas essas sensações. Além de sentir-se extremamente atraída e apaixonada por ele, uma voz em seu interior a deixa irrequieta. Algo de perigoso emana dele. Ela terá que descobrir o que isso tudo significa e quais as verdades escondidas.
"Um turbilhão de pensamentos confusos preenchiam meu cérebro enquanto eu dirigia. Primeiro, porque eu tive aquela estranha visão com o crime em Lincoln Park? Segundo, havia alguém me seguindo? Aliás, o que estava me seguindo?”
A história é apresentada com a narrativa em primeira pessoa. Melissa conta um pouco sobre o que acontece com ela na cidade de Blaine, onde todos se conhecem. A trama mostra muito mistério e suspense. Os personagens são bem escritos ao meu ver.  Melissa possui qualidades ímpares, como por exemplo, não lidar bem com autoridades, é indisciplinada e violenta; entre outros adjetivos ela se mostra muito determinada e intuitiva. Willian traz todo o mistério por traz de toda a sua personalidade prestativa.
“Em uma analogia profana, ele era o único fruto de que eu não poderia provar. Mas o único que desejava. A cada instante em sua companhia, tinha certeza disso. E aquele desejo seria minha perdição”
A trama tem suspense e mistério perfeitos. A autora soube dosar perfeitamente durante todo o enredo. Em momento nenhum senti falta de algo mais. O toque de sensualidade que a autora põe em seus personagens também é muito bem feito. Não encontraremos um livro hot, mas sim um livro com algumas cenas inesquecíveis. E no final da história vemos que a autora tira por um instante a visão do personagem principal para melhor compreensão. Amei o final e estou desesperada pela sequência, Gostei bastante da capa e espero que a diagramação seja a mesma como no e-book quando for impresso. Indico sim para a leitura, super recomendo.










Avaliação:


Sobre a autora:





Ananda V. é uma autora baiana, que escreve a série de livros “O Círculo dos Imortais”. Desde pequena, fascinava-se por histórias de gêneros fantasiosos e, ao ganhar uma competição de historinhas aos oito anos, percebeu o quanto amava a arte da escrita.
Atualmente, Ananda divide seu tempo entre escrever, cuidar dos seus amados bichos de estimação e cantar em uma banda de Metal/Hardcore chamada Born of Desire.