Resenha: Incendeia-me - Trilogia Estilhaça-me - Livro 3 - Tahereh Mafi

17 março 2015

Edição: 1
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581634418
Ano: 2014
Páginas: 384

Adicione no "Orelha de Livro"
Compre AQUI - R$ 14,36
Sinopse: O destino do Ponto Ômega é desconhecido. Todas as pessoas com quem Juliette se importa podem estar mortas. Talvez a guerra tenha chegado ao fim antes mesmo de ter começado.Juliette foi a única que restou no caminho d O Restabelecimento. E sabe que, se ela sobreviver, O Restabelecimento não sobreviverá.
Entretanto, para destruir O Restabelecimento e o homem que quase a matou, Juliette vai precisar da ajuda de alguém em quem nunca pensou que pudesse confiar: Warner. Enquanto eles lutam juntos para combater o inimigo, Juliette descobre que tudo que ela pensava saber sobre seu poder, sobre Warner e até mesmo Adam era uma mentira.

Esta resenha não contém spoiler dos livros anteriores

Resenha:

"Fico chocada ao pensar o quanto mudei nos últimos meses. Sinto-me uma pessoa totalmente diferente. Mais esperta, de alguma forma. Mais endurecida, com certeza. E, pela primeira vez na vida, disposta a admitir que estou brava.
É libertador."
Finalmente consegui terminar esta trilogia!
Independente do final, acrescento que eu esperava qualquer coisa, depois de ler alguns livros com finais um tanto traumáticos, me acostumei a não esperar muito. E eis que Incendeia-me consegue ser um livro perfeito, com um final perfeito, que deixa quele gosto de quero mais - só mais um capítulo, só mais um livro, só mais uma palavra!


É difícil fazer esta resenha sem não encher o livro de elogios. Enquanto Liberta-me me deixou desejosa, Incendeia-me me preencheu completamente. A autora finalizou a trilogia com chave de ouro, merecendo todos os elogios sobre a obra!
"Não tenho mais medo do medo, e não vou deixá-lo mandar em mim.
O medo vai aprender a me temer."
Como nos demais livros, Incendeia-me é todo narrado em primeira pessoa pelo ponto de vista de Juliette, a personagem principal do livro. Aqui, o medo vai aprender a temê-la. Juliette deixou de ser a coisinha chorona e cheia de mimimi, para se tornar uma mulher fantástica e poderosa. É visível o crescimento da protagonista do primeiro livro até este, o que deixou o livro muito mais gostoso de ler! A editora está de parabéns, não encontrei nenhum erro de revisão e a diagramação segue o parâmetro dos demais livros.


Outra coisa que me fez amar essa distopia, foi o mundo criado pela autora: o homem destruiu tudo, foi necessário recomeçar, e este recomeço acabou incapacitando mais vidas. A força de vontade da protagonista de reconstruir este mundo, ter ar fresco novamente, poder plantar, ter um céu e rios limpos é surpreendente, nos mostra que talvez não estamos longe de viver algo parecido, o aquecimento global continua...
"(...) De qualquer forma, já tomei minha decisão - falo para eles. - Queiram vocês se juntarem ou não a mim, eu decidi lutar. Vou derrubar O Restabelecimento ou vou morrer tentando. Não restou nada para mim de outra forma."
Tudo o enredo é maravilhoso, com personagens únicos e que dividiram opiniões, personagens que nos fizeram torcer junto com eles por um final digno e que - finalmente - aconteceu!
Incendeia-me começa de onde Liberta-me parou, o que é mais um ponto positivo, não tem toda aquela parte de explicar o que aconteceu no livro anterior, o que só faz o leitor ficar mais curioso e doido para saber o que acontecerá.


Sem mais, só tenho a elogiar, para quem ainda não conhece, não perca tempo, leia e delicie-se com essa história maravilhosa!
"Balas. Centenas de balas. Uma poça de balas. Por toda parte em volta dos meus pés. Caindo do meu traje.
Do meu rosto.
Sinto algo frio e duro na minha boca e cuspo para a mão. Parece um pedaço quebrado e destroçado de metal. Como se tivesse sido frágil demais para me enfrentar."

Resenhas dos livros anteriores:


Avaliação:


Sobre a autora:


Ela tem 25 anos. Nasceu em uma cidadezinha de Connecticut e hoje mora em Orange County, California - onde bebe muita cafeína e acha o tempo muito perfeito para seu gosto. Quando não encontra um livro, ela pode ser vista lendo papéis de bala, cupons e receitas antigas. "Estilhaça-me" é seu livro de estreia e o primeiro de uma trilogia.