Resenha Book Tour: Legado de Sangue - Raquel Pagno

14 dezembro 2014

Edição: 1
Editora: Amazon
Ano: 2013
Páginas: 373
Compre AQUI - R$ 4,64 (versão E-book)
Sinopse: Carmem sempre ouvira as tristes histórias de Francesca. Adorava cada frase saída da boca enrugada da avó, mas sentia que a verdade estava escondida nas linhas de seu rosto, presa em um coração saturado de sofrimentos. Foi em uma noite de lua cheia que ela finalmente lhe contara a verdade: seu antepassado era um vampiro, Carmem era a herdeira do Rubi de Sangue e do poderoso sangue das bruxas, o único alimento capaz de saciá-lo completamente, e que ao mesmo tempo era para ele mais letal do que qualquer veneno; e era a única capaz de gerar um filho para salvá-lo da extinção. Apaixonada, Carmem segue o seu caminho rumo ao destino que a aguarda. Miguel deseja o seu sangue, e ela, a imortalidade dele.

Resenha: 

Este livro veio até mim através do Book Tour organizado pela Mila, do Blog As Leituras da Mila, até então eu não conhecia o livro, mas quando li a sinopse, surtei! Sou fã de vampiros e bruxas, acabei me encantando com a sinopse e claro que aceitei participar do BT, também acompanho as postagens de contos que a autora publica no blog da Mila, mas me decepcionei um pouco com a leitura... explico o porque:
"Ela tinha algo escondido, um segredo precioso que queria nos contar, do qual mamãe sempre tentava nos proteger. Ouvíamos toda a história outra vez, tentando ir cada vez mais longe, mas ela sempre terminava com a chegada dos imigrantes ao Brasil, depois de meses de sofrimento, tempestades em alto mar e o nascimento do titio Marco, ainda no navio." - Carmem
Legado de Sangue começa com Carmem contando sobre as histórias que ouvia de sua avó, Francesca. Carmem sempre foi fascinada por essas histórias, mas ela sabia que havia muito mais do que sua avó lhe contava. Teresa, mãe de Carmem, sempre repreendia Francesca por ficar alimentando a imaginação de Carmem e de sua irmã Ana. Apesar de irmãs, Ana não sentia a mesma fascinação pelas histórias, ouvia por ouvir, mas Carmem não. Ela sentia que sua avó escondia algo de seu passado, e mesmo com sua mãe evitando que a avó lhe contasse mais, Carmem conseguiu o que tanto queria: saber a verdadeira história sobre sua família.


A partir daí, Francesca passa a narrar a história de sua vida. Como quando muito jovem e com dois filhos pequenos, ela fugiu da guerra na Itália e veio para o Brasil. Aqui, um homem muito poderoso a levou para sua casa, ela poderia ter tudo o que quisesse, desde que fizesse um acordo com ele. Francesca não sabia que era descendente de poderosos bruxos e que somente seu sangue seria capaz de matar Miguel, um vampiro que a procurou durante anos, e somente ela, uma bruxa poderosa, poderia gerar o herdeiro que Miguel tanto ansiava.
"Não conseguia desviar o olhar daquele rosto, esculpido pelos deuses e marcado pelo pecado. Exalava sensualidade e me deixava embriagada em precisar sequer provar daquele vinho. Ora e outra ele sorria. Isso aumentava mais minha curiosidade." - Francesca
Essa é a primeira parte do livro que é toda narrada por Francesca, depois, na segunda parte, voltamos ao presente, onde Carmem começa seus relatos até a descoberta de que Miguel realmente existiu. Após conhecê-lo, Carmem sente-se atraída por sua imortalidade, e Miguel ainda quer que seu herdeiro nasça. 


Eu gostei muito de como a autora desenvolveu a história, a narrativa é contagiante e contínua. Uma leitura sem dúvida, gostosa. Mas o enredo me deixou desejosa. A espécie de vampiro criada pela autora é bem original, não foge totalmente dos parâmetros que conhecemos. Mas as bruxas... bem, esses foram os piores pontos na minha opinião. Vamos começar com: Elas são bruxas de linhagem pura, muito poderosas, mas não sabem fazer magia nenhuma, seus poderes não desenvolvem, o único poder que elas têm, é o poder de gerar um filho de um vampiro (se é que isso é poder... enfim). Todos os encantos que Miguel exerce sobre elas é muito mais ampliado, pois ambas as linhagens foram feitas para se amarem e se odiarem ao mesmo tempo. Gostei disso, colocar seu amor como sua destruição, mas também queria um desenvolvimento maior na magia das bruxas.
"Somos igualmente amaldiçoados, fadados a querer quem de fato jamais poderíamos ter. Mas esse desejo, se é que não devo chamá-lo apenas de instinto, nada tem a ver com amor." - Miguel
Infelizmente, para mim, o livro tinha tudo para me conquistar, mas por causa das bruxas, me decepcionou um pouco. Isso não quer dizer que o livro seja ruim, não mesmo! Como disse acima, a narrativa é ótima, abrange todos os personagens e nos deixa curiosos para saber o que vai acontecer. Miguel é a definição de anjo/demônio. Sabe ser irresistível, mas também um monstro. Francesca foi muito ingênua quando mais nova, mas dá para entender, pois ela não tinha ninguém e quando finalmente descobriu onde estava se metendo, já era tarde demais. Carmem me irritou por diversas vezes, mesmo sabendo da história sofrida de sua avó, ela não desistia de encontrar o perigo, mas também me emocionou, com o amor lindo que nutre por sua irmã Ana. Teresa é um caso a parte, quando mais nova, foi mimada por Miguel que a tratava como filha, depois de descoberta a verdade, se tornou uma mulher forte e destemida que será capaz de qualquer coisa para proteger sua família!

Este é o primeiro volume, creio eu, pois do modo como terminou, precisa de uma continuação! rsrsrsrrs A capa não é muito bonita, mas demonstra bem o enredo do livro. Esta edição possui orelhas, mas as folhas são brancas e não encontrei erros de revisão, o que eu adorei! Os capítulos são divididos por títulos e com um pequeno detalhe de floreio ao lado.


Enfim, para quem gosta do gênero, indico com certeza a leitura, mas não vá com muita cede ao pote, esperando bruxas igualmente poderosas. Leia com a mente aberta e deixe a história de Francesca te encantar e horrorizar!
"Permanecemos ali por uma eternidade, abraçados, procurando conter o desejo que brotava nos dois de possuir um ao outro, o desejo que era próprio da nossa espécie e que Miguel só sentiria por mim. Ele desejava meu sangue e eu desejava a imortalidade dele." - Carmem

Avaliação: 


Sobre a autora: 


Raquel Pagno nasceu em Lages, SC, em 1982. Escreve desde a infância, é graduada em Administração de Empresas e trabalha atualmente como projetista e cartógrafa.
Publicou no livro Contos de Grandes Autores Brasileiros, pela Câmara Brasileira de Jovens Escritores, e em dezenas de antologias literárias. Participou do Audiobook Vampiros de Alma, pela Radio Digital Rio e da coletânea Sede Vampírica, com participação especial de Paulo Coelho e Stephen King.
Publica no blog As Leituras da Mila, onde posta semanalmente contos e capítulos de livros na coluna intitulada "No Meu Mundo...", e no blog entre a Escrita e os Meus Escritos, na coluna "Falo Mesmo!", sobre suas experiências no meio literário.
Venceu o 8º concurso literário de Suzano, edição Cora Coralina, na categoria “Contos” no ano de 2012 e ganhou o Prêmio Literário Cláudio de Souza, na categoria Melhores Contistas.
Em 2013 recebeu o Prêmio Luso-Brasileiro na categoria Melhores Contistas e o 2º lugar no I Festival de Contos do Rio de Janeiro.
Recebeu o Prêmio Diamonds of Art and Education conferido pela Abrasa, o Prêmio Latino Americano de Excelência Artística, o troféu de Excelência Cultural, em comemoração aos 70 anos da ABD (Associação Brasileira de Desenho e Artes Plásticas).
Em 2014, foi agraciada com o Prêmio Interarte com a obra Seablue, na categoria Melhores Romances.
Associada à LITERARTE (Associação Internacional de Escritores e Artistas), é membro correspondente da ALAF – Academia de Letras e Artes de Fortaleza, da ALG (Academia de Letras de Goiás), da ACLA (Academia de Letras, Artes e Ciências de Vitória), Do Núcleo Acadêmico de Letras e Artes de Lisboa (Lisboa/Portugal), da ALAV (Academia de Letras e Artes de Valparaíso/Chile) e embaixadora da Divine Académie Française des Arts Lettres et Culture (Paris/França).
Em Portugal, publicou os romances Rubi de Sangue (2011), pela editora Òmega, Seablue (2012), editora Corpos e Herdeiro da Névoa (2013), pela Chiado Editora, seu primeiro livro a ser comercializado no Brasil, onde também publicou o livro Legado de Sangue (2013) e a segunda edição de Seablue (2014). Serão lançados, ainda em Portugal, os romances O Voo da Fênix e A Revelação, pela editora Òmega e no Brasil o romance Senhores dos Sonhos, pela editora Buriti.