Resenha: Sândalo - Reflexões para a cura da alma - Sergito de Souza Cavalcanti

06 outubro 2014

Edição: 1
Editora: Petit
ISBN: 9788572531986
Ano: 2011
Páginas: 229
Adicione no "Orelha de Livro"
Compre AQUI - R$ 16,92


Livro cedido em parceria com a editora


Sinopse: Inspirado pelo sândalo - na Índia uma árvore sagrada, da qual se extraem óleos aromáticos e madeira para produção de incenso-, Sergito de Souza Cavalcanti nos oferece lições de espiritualidade, cuja essência reconforta e perfuma a alma. "Seja como o sândalo, que perfuma o machado que o fere." Foi nesta recomendação, atribuída a Buda que o autor encontrou e desenvolveu, neste livro, excelentes referências ao amor e à esperança, capazes de dissolver a tensão, as perdas, os sofrimentos e as desilusões. Se você pretende rastrear a felicidade, basta seguir, agora mesmo, a agradável e inconfundível fragrância de Sândalo. 


Resenha: 


O que difere dos outros livros espíritas que li foi o fato deste não ser psicografado e sim a visão do autor em relação à religião e aos acontecimentos da vida.
Quando comecei a ler, por causa da frase que dá nome ao livro pensei que seria a visão budista sobre Lei de causa e efeito ou Lei do retorno e como transformar o mal carma. 


“Religiões há muitas, mais a consciência religiosa é uma só. - Um homem que sustenta a verdade deve dizer: Essa é a minha verdade. Mais por causa disso não pode tirar a conclusão absoluta e dizer: Só há essa verdade, qualquer outra é falta.” (Buda).
Porém, este livro fala do evangelho segundo o espiritismo por meio das palavras de Jesus que ensina a amar ao próximo e perdoar os inimigos ou aqueles que não nos querem bem. Aponta o mal que a mágoa e o rancor pode nos causar e nos mostra como nos livrarmos dos sentimentos ruins e mantermos nossa alma em paz, pois enfatiza a importância do amor, do perdão e da humildade. 


O livro é um pouco repetitivo em relação às argumentações bíblicas, acredito que foi a forma que o autor encontrou para enfatizar o seu ponto de vista.
Baseando-se na fé em Deus e em nós mesmos, e que quando uma pessoa realmente acredita, ela consegue manter a tranquilidade espiritual e alcançar os seus sonhos.
Tem várias situações para fazer o leitor refletir sobre sua circunstância atual ou passada, compreender que nem tudo possui resposta imediata, e que é preciso ter paciência e confiança. Dessa forma consegue confortar a alma de quem esta passando por momentos difíceis.

“Não há dificuldade insolúvel e maior que nossa capacidade de supera - lá. Felicidade, portanto, depende de nós.”



A capa é linda, com relevo e verniz, a escolha das cores também é excelente, com fundo negro e roxo. As páginas apesar de serem brancas não dificultam a leitura, as margens possuem leves gravuras em cinza e a diagramação é boa.


Avaliação: 


Sobre o autor: 


Mineiro da Cidade de malacacheta, é orador e escritor de sucesso, dono de um estilo cativante. Escreve com a mesma vibração que imprime às suas conferencias. É presidente do Conselho de Representação da Assembléia do Grupo de Fraternidade Albino Teixeira (Gefrater), de Belo Horizonte (MG), onde reside com a família. Conselheiro do Grupo Fraternidade Eterna, de Inhaúma (MG). Fundador da Fraternidade Espírita José Grosso, de Córdoba, na Espanha.