Li até a página 100 e...

03 outubro 2013

Heeey pessoal!! Faz tempo que eu não venho contar para vocês sobre as minhas leituras, né!? Pois então, andei sem tempo, e com isso minha pequena/imensa pilha de livros para ler só aumentou. Mas eu vou colocar tudo em dia, prometo. 
 Hoje eu vou falar sobre um livro que eu comprei recentemente.


Livro:


Primeira frase da página 100:
"Ela revirou os olhos e depois ergueu as sobrancelhas."

Do que se trata o livro:
Jacqueline desistiu do curso que queria na faculdade para seguir os planos do namorado. Poucas semanas depois do inicio das aulas, ele decidiu que precisa de "mais experiência", ou seja, ele termina com ela para ficar com outras garotas antes de se comprometer com alguém e não poder mais fazer isso.
Decepcionada e em curso que não gosta, Jacqueline passa 2 semanas trancada em seu quarto, até que sua melhor amiga a convence a ir a uma festa de fraternidade. Como se a coisa não pudesse ficar pior, um dos amigos de seu ex tenta estuprar ela no estacionamento do local onde a festa esta rolando, só que Jacqueline é salva por um lindo e gentil estranho. Depois do acontecido, ela começa a perceber que o rapaz esta em todos os locais que ela costuma frequentas, inclusive em uma de suas aulas, mas ela nunca havia notado a presença dele antes.

O que está achando até agora:
Olha,não chegou ainda nem perto de satisfazer as minhas expectativas. "O livro para quem gostou de Belo Desastre", ódio dessa frase, odeio essa comparação. O livro é bem fraquinho, até um pouco entediante no começo. Depois do primeiro "impacto" logo no incio da historia, fato que da a base para o desenvolvimento da trama, tudo cai em uma mesmice... Minha opinião pessoal, eu sei que Easy caiu nas graças dos leitores, mas eu estou na metade do livro, e a trama ainda não me prendeu. #sorry.

O que está achando da protagonista:
Ah, a Jacqueline é bem legal, ela é bem real, tem seus momentos de fraqueza, mas não é nada absurdo, situações completamente aceitáveis.
Já o protagonista, é outra historia! O Lucas é o cara perfeito, ele é inteligente, lindo,dedicado,amoroso,fiel
e um pouco perturbado. Ele tem tantas qualidades que se não fosse a obsessão dele pela Jacqueline eu desconfiaria que ele era gay. kkkkkkk'

Melhor quote até agora:
"Com os olhos inflamados,ele olhou para mim.
- Jacqueline?
Pisquei.
-Sim?
-Naquela noite em que nos conhecemos... eu não sou como aquele cara. - seu queixo estava tenso.
-Eu sei di... - Ele colocou um dedo sobre os meus lábios,a expressão em seu rosto foi ficando mais suave.
-Por isso, não quero que se sinta pressionada.Ou dominada. Mas eu realmente quero te beijar agora.Muito mesmo. - Ele deslizou o dedo pelo meu rosto e desceu até o pescoço,voltando-o em seguida para o seu colo."

Eu escolhi este quoto por 2 motivos! Primeiro, pq eu achei bonitinho, é a cena do primeiro beijo do casal, mas também escolhi pq eu quase morri de tanto rir na parte do "Com os olhos inflamados". Putz, não tinha palavrinha melhor para escolher? Inflamados? Tipo, eu fiquei pensando em olhos infeccionados mesmo, fiquei imaginando o Lucas com uma puta de uma conjuntivite.(e não é essa a intenção, ok!?caso alguém esteja se pergunta. O "inflamado", da uma ideia de flamejantes,brilhantes,olhos desejosos...coisas do tipo!) Essa palavra estragou o momento romântico,fim.

Vai continuar lendo?
Vou sim, não costumo desistir de leitura, vai contra os meus princípios de leitora.

Última frase da página 100:
"Ela assentiu, confusa; ter uma atração puramente online enquanto frequentava uma universidade com milhares de caras solteiros parecia ser a coisa mais ridícula em toda a historia."

Em breve resenha do livro por aqui, aguardem!!