Resenha : A última casa da rua.

24 março 2013




  • Editora: iD
  • ISBN: 8516072908
  • Ano: 2012
  • Páginas: 184
  • Tradutor: Bernardo de Carvalho
Sinopse:

No livro, os autores Lily Blake, David Loucka e Jonathan Mostow contam a história da jovem Elissa e sua mãe que, em busca de uma nova vida, encontram a casa dos sonhos em uma pequena cidade do interior dos Estados Unidos. A cidade tem um mistério. Um assassinato aconteceu bem na casa ao lado.
Uma garota matou os pais de forma brutal e desapareceu. Hoje, quatro anos depois, apenas Ryan, o misterioso irmão mais velho, mora sozinho naquela mesma casa, sombria e esquecida no tempo. Indo contra tudo e contra todos, Elissa acaba se envolvendo amorosamente com o estranho rapaz. O que ela não sabe é o quão perigoso esse jogo pode se tornar…
Não espere ver adolescentes sendo perseguidos por forças sobrenaturais ou um desfecho daqueles que já “sacamos” ainda na metade do livro. A trama é criativa, com muitos “não acredito!” pelo meio do caminho. E a sequência final é de tirar o fôlego, com muita ação.Antes de sentir o medo… Antes de conhecer a dor… É preciso voltar para onde tudo começou.

Resenha:

Essa é uma resenha diferente, por vários motivos, primeiro: é o primeiro livro que eu leio, que foi baseado no filme, e não ao contrario, é isso mesmo pessoal, o romance foi de Lily Blake, baseado no roteiro de David Loucka , mas a historia original foi escrita por Jonathan Mostrow. Por isso eu não tenho como fazer uma resenha convencional, pois a maioria já assistiu ao filme, que recentemente esteve em cartaz, e foi estralado por ninguém menos que Jennifer Lawrence, a Katniss de jogos vorazes, e recentemente ganhadora do Oscar de melhor atriz (Sou mesmo fã da Jenn. *-*).Sinceramente, não sei se foi uma boa ideia, três mentes super criativas, mas direcionadas a áreas diferentes,trabalhando juntas.
 O que eu fico me perguntando é se o livro não seria mais completo se apenas a Lily Blake o tivesse desenvolvida, pois só 184 paginas para tanto suspense?
O que dizer sobre o livro...é a exatamente o roteiro do filme, até mesmo os diálogos, com pequenos detalhes diferente, como quando a Carrie anne mata os pais no filme, ela usa uma faca, no livro ela usa um martelo, só coisas pequenas, nada muito significativo.
O que realmente me intrigou ao ler o livro foi o desenvolvimento, não sei bem como colocar isso em palavras para vcs, mas, o que parece é que o final do livro foi escrito apenas para combinar com o final do filme. O livro segue um desenvolvimento normal, até que chega ao ápice de tudo, e é nesse momento que vc tem a impressão de que a autora simplesmente acelerou tudo para terminar logo e como deveria.Uma historia tão complexa com essa não poderia ter se resolvido em menos de 200 paginas, o que nos leva a pensar  esse livro não foi apenas algo comercial,  para chamar ainda mais atenção ao filme... Não sei,  mas se for isso ao não, a historia é ótima.
Bom, mas para quem ainda não leu e nem assistiu, o livro (e o filme)  conta a historia de Elissa, uma menina de cidade grande que é obrigada pela mãe a se mudar para cidade do interior. A mãe, recém separada do pai de Elissa, resolve mudar de cidade para tentar retomar a sua vida e se reaproximar da filha, e principalmente evitar que a filha cometa os mesmos erros que ela cometeu na adolescia, ou seja, engravidar aos dezessete anos. Só que Elissa não esta muito interessada em seguir as novas regras que a mãe esta tentando impor.
É em meio a essa nova fase de sua vida, que ela conhece Ryan Jacobsen, o garoto mais falado da cidade, e não no bom sentido. Ryan e sua família é o motivo pelo qual a mãe de Elissa pode pagar o aluguel de sua bela casa. A anos atrás os pais do rapaz foram assassinados a sangue frio pela própria filha com problemas mentais enquanto dormia. Desde então, Ryan vive sozinho na mesma casa, e tem de enfrentar a hostilidade dos vizinhos que não o querem por perto.



Mas será que Ryan é mesmo só um rapaz deslocado? o que será que se esconde nos porões daquela casa? Elissa esta prestes a descobrir,  mas será que vai gostar do que esta por vir?
É basicamente essa a historia, é um belo suspense, mas é uma pena que seja tanto enredo com tão poucas paginas.Tudo acontece muito rápido, nada de muitas descrições e enrolação, o que na realidade é uma pena, pois a historia é tão boa, que o livro poderia ter o triplo de paginas que ainda seria incrível, só precisava de um pouco mais de enredo, antes de entregarem o brilhante final. E por falar em final, QUE FINAL!! eu não sou muito fã desses enredos policiais,  essa historias de seriais killer, psicopatas e afins, não me chama muita atenção, mas o final desse livro/filme é brilhante, vc só consegue entender realmente o que esta acontecendo no ultimo minuto, é perfeito.
O livro foi publicado no Brasil pela editora ID e tem uma capa maravilhosa, que é uma cena do filme mesmo.É uma leitura rápida, pois além do livro ser fininho, a escrita é bem simples, então a leitura flui, eu o li em um dia. Eu super indico, tanto o livro quanto o filme, com toda certeza vale muuito apena.

Trailer do filme: